19.11.10

História de horror

Uma notícia macabra foi dada a público na Tailândia: em um templo de Bangkok foram encontrados cerca de 300 fetos (os policiais acreditam que possam chegar a 500), resultados de abortos ilegais.
Desde já uma enfermeira, de nome Lanchakorn Janthamanas, com 33 anos, está implicada nos crimes, segundo ela, perpetrados por vários e vários anos. Inicialmente ela auxiliava uma médica a proceder aos abortos em mulheres jovens, incluindo atrizes famosas. Algumas vezes os bebês sobreviviam aos abortos – o mais velho está hoje com nove anos. Com o tempo ela mesma foi aprendendo os procedimentos e os colocou em prática mediante pagamentos.
O Departamento de Saúde informou que cerca de um milhão de mulheres engravidam anualmente no país – e cerca de 150.000, geralmente adolescentes, procuram ajuda para abortar.
Imagem: bbs.espguitars.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário