7.7.10

A Alemanha bebeu sangria



Onde foi que se escondeu o futebol que a Alemanha vinha apresentando na Copa?
Nesta semifinal, só deu Espanha. Domínio do campo, domínio da bola, domínio do jogo. A Espanha deu um verdadeiro nó na Alemanha. Só não fizeram mais gols por causa do excesso de perfeccionismo para chegarem próximos do ótimo goleiro Neuer. Trocas de passes, firulas e oportunidades perdidas.
Uma explicação possível para a derrota alemã seria a pouca idade dos jogadores e sua falta de experiência.
Se a maioria pensava que a Espanha também iria provar do schnaps alemão, está na hora de bebericar uma ótima sangria espanhola. Que por sinal leva suco de laranja.
A foto é do “baixinho” (1,78m) Puyol, que alçou vôo entre os gigantes alemães para fazer o único gol da partida.
No fim de semana tem mais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário