10.6.10

Brasil, o lixão dos agrotóxicos


A ANVISA (Agência Nacional da Vigilância Sanitária) denuncia que o Brasil acaba de receber o título de campeão mundial como receptor de agrotóxicos banidos em outros países. Foram dois milhões e trezentos e sete mil toneladas recebidas em 2009, um aumento de 29% em relação ao ano anterior. "Estamos consumindo o lixo que outras nações rejeitam", afirmou Rosany Bochner, coordenadora do Sistema Nacional de Informação Tóxico-Farmacológica da Fiocruz.
Nada impede que esses produtos, qualquer que seja a sua toxicidade, entrem livremente no País, desde que paguem as alíquotas alfandegárias.
Estão em análise desde 2008 na ANVISA 14 produtos tóxicos e até agora só foi banida, a partir de 2011, a cihexatina, usada na citricultura. Estão ainda sendo avaliados o acefato, o metamidofós e o endosulfan, produtos condenados e proibidos no exterior.
De lixão em lixão nosso país vai criando feridas e somando títulos.
Alguns, extremamente vergonhosos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário