2.6.10

Autógrafo de Rei

Como eu adorava assistir aos jogos do Pelé!
Quantas vezes fui ao Pacaembu – eu nem torcia pelo Santos – apenas para ver o Rei jogar.
Melhor ainda quando ele jogava contra o meu time, o São Paulo. Eu nem me incomodava com as derrotas, o que valiam eram as apresentações fantásticas desse extraordinário jogador fora de série.
Cheguei a assistir um Santos X São Paulo lá na Vila Belmiro. Meu pai me presenteara com um ingresso numerado, mas a Vila estava tão repleta que nem consegui chegar ao meu lugar, assisti ao jogo de pé mesmo, absolutamente espremido no meio daquela multidão. Era a torcida santista. Nem preciso dizer que meu time foi derrotado. Pelé fez dois gols.
Certa noite, em alguma cerimônia beneficente na Av. Angélica, em São Paulo, Pelé estava presente. E foi lá mesmo que consegui um autógrafo do Rei. Eu só tinha à mão uma cartela de papelão de fósforos, semi-usada – e foi esta mesmo que dei nas mãos do Pelé para que ele a autografasse.
É a cartela que você está vendo na foto.

Obrigado, Pelé!

Nenhum comentário:

Postar um comentário