10.5.10

Escrúpulos (ou falta de) na Publicidade

Eis um anúncio bem antigo (provavelmente da década de 1950) patrocinado pela associação dos fabricantes das chamadas bebidas cola (Coca-Cola e similares), incentivando as mães a oferecerem, o quanto antes, esse tipo de bebida para os filhos.
O título afirma: “Para um melhor início de vida, comece com Cola o quanto antes!” e em seguida pergunta: ”Quão cedo é quanto antes?”
Segue-se a explicação, alegando entre outros argumentos que “testes de laboratório efetuados nos últimos anos provaram que bebês que começaram a tomar cola no seu período de formação, terão uma chance maior de serem aceitos e ‘ficarem por dentro’ (da turma) nos complicados anos da pré-adolescência e da adolescência”.
Será que estas afirmações continuam verdadeiras hoje em dia?
Será que oferecer esse tipo de bebida aos bebês não fez mal a eles?
Será que estas afirmações não foram tão mentirosas como aquelas dos anunciantes de cigarros?
Será que um anúncio destes seria aprovado hoje pelo nosso Conselho Federal de Medicina e pela ANVISA?

Nenhum comentário:

Postar um comentário