13.10.09

Novo conto de fadas

No Rio, o ministro da Saúde José Gomes Temporão voltou a fazer campanha para criar a nova CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira. Para ele, a regulamentação da emenda constitucional 29, que prevê novos recursos para a saúde, seria a "salvação" do setor no país. "O imposto está desde o início voltado exclusivamente para financiar o SUS (Sistema Único de Saúde). 100% dos seus recursos vão para o Fundo Nacional de Saúde” afirmou.
Bem, nós já tivemos uma experiência desastrada com outra CPMF cujos recursos foram desviados da saúde. A saúde continua na mesma marcha lenta daquela época – para dizer o mínimo – e como o próximo ano será um ano de eleições, essa parece ser mais uma história pra boi dormir, uma raposa a ser colocada em galinheiro, um beijo de princesa em sapo frio e nojento que jamais se transformará em príncipe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário