28.7.09

Intocáveis brasileiros estão desmoronando


Se você é mais um daqueles inconformados com a ditadura imposta ao futebol pela CBF (leia-se Ricardo Teixeira e antes dele João Havelange), encastelados como imperadores arrogantes e donos da verdade absoluta dentro dos seus redutos dourados, saiba que finalmente Ricardo Teixeira, perdeu uma ação contra o jornalista Paulo Cezar de Andrade Prado - autor do blog do Paulinho.
Por ter se ofendido com os termos "Barão de Munchausen" e "Casa Bandida do Futebol", utilizados em um dos posts de Paulinho, Teixeira impetrou ação no Fórum da Barra da Tijuca pedindo indenização por danos morais. A juíza Cíntia Souto Machado de Andrade Guedes pontuou que "a garantia de liberdade e manifestação de pensamento são princípios constitucionais e devem ser respeitados"
Ricardo Teixeira foi condenado, em primeira instância, a pagar os encargos advocatícios de Paulinho, decisão essa ironizada pelo jornalista em seu blog. "Foi condenado [Ricardo Teixeira] a pagar as custas do processo, além de me proporcionar enorme prazer em poder derrotá-lo", escreveu.
Paulinho: o prazer é todo nosso!

Nenhum comentário:

Postar um comentário