20.4.09

Temer: desculpas esfarrapadas

O presidente da Câmara dos Deputados Michel Temer inventou uma boa desculpa para justificar o uso das suas verbas de passagens aéreas por familiares e amigos: “as regras para o uso das passagens não estão bem definidas”.
Nesse caso, ele deveria usar a mesma diretiva que a justiça: “In dúbio pro reo”.
Isso é, no caso de dúvidas, que seja favorecido o mais inocente: nós, a população brasileira, que pagamos os impostos para eles farrearem pelos rincões brasileiros e internacionais. Que vergonha!

Pergunta: um aproveitador desses merece ser presidente da Câmara?

Nenhum comentário:

Postar um comentário