29.10.08

Vitória do prefeito de Londrina não valeu

Com muito atraso, o TSE julgou ontem o recurso interposto pelo deputado Antonio Belinati em um processo promovido pela Procuradoria Geral Eleitoral; o julgamento já fora iniciado antes do segundo turno, mas foram pedidas vistas após dois votos a favor do candidato. Ontem, no mutirão que o TSE promoveu para decidir sobre os casos ainda pendentes, o resultado acabou com cinco votos a dois, a favor da procuradoria. Em outras palavras, o Belinati não pode ser proclamado prefeito.

Em breve, a Justiça local vai proferir decisão sobre as eleições. Três alternativas estão em jogo: homologação do segundo colocado (Hauly), segundo turno entre Hauly e Barbosa Neto (o terceiro mais votado) ou então um novo pleito.

Enfim, este foi o julgamento de apenas um dos 90 processos em que o Belinati está envolvido. Falta julgar mais 89.

Nenhum comentário:

Postar um comentário